Mudança de sede - Servidores da SRTE mobilizam-se por melhores condições de trabalho - Arquivo de Notícias - SINTSEF - Bahia

Arquivo de Notícias

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

20/02/2017
Mudança de sede - Servidores da SRTE mobilizam-se por melhores condições de trabalho

10/02/2017 – O Sintsef-BA reúne-se com a Superintendente Regional do Trabalho na Bahia (SRTE-BA), Gerta Shultz Fahel, nesta segunda-feira, às 15h30. Na pauta, as reivindicações dos trabalhadores sobre as condições de trabalho na nova sede do órgão, localizada no Edifício Boulevar Financeiro, no Caminho das Árvores, em Salvador. O prédio, onde funcionava o call center da Caixa Econômica Federal, possui dezesseis andares, sendo três pisos de garagem e três elevadores, mas já apresenta uma série de problemas.

         Reunidos com o Sintsef-BA e o Sindicato dos Auditores-Fiscais do Trabalho no estado da Bahia (Safiteba), na última quinta-feira, 16, os mais de cinquenta servidores presentes relataram problemas na infraestrutura do prédio. Algumas dessas questões já começaram a ser solucionadas, como a instalação do aparelho de ponto eletrônico. O ponto, localizado apenas no piso G3, dificultava o acesso para os que não têm carro. O refeitório, que desrespeitava os requisitos mínimos de higiene e salubridade, por exalar um mau-cheiro constante, também foi remanejado para outro local.

         Outras questões ainda seguem pendentes, como a água no bebedouro com gosto ruim (que levanta dúvidas sobre as condições de limpeza dos tanques e filtros de água); a insuficiência de vagas nas garagens e de aparelhos de ar condicionado em vários ambientes, gerando desconforto térmico para os trabalhadores; dois dos três elevadores apresentam defeitos (em um prédio de dezesseis andares!), além da falta de segurança do local, que não tem câmeras de vigilância.

         Uma preocupação extra é a possibilidade de transferência, também para a nova sede, da Agência Avançada, que ainda funciona na rua Carlos Gomes, no Centro. Essa transferência poderá acarretar o fluxo a mais do público atendido diariamente (cerca de 800 pessoas), que o prédio claramente não suporta nas atuais condições. 

        Para Moisés Araújo, Coordenador Jurídico do Sintsef-BA e servidor da SRTE, a mudança de sede apenas transferiu (e em alguns casos até agravou, conforme se vê) os problemas que motivaram a saída do local anterior, no centro da cidade. “O prédio é novo apenas no sentido de mudança, que foi feita de maneira açodada. As instalações são antigas e as razões principais que motivaram a nossa saída do prédio anterior, de certa forma, migraram para o novo endereço.” 

 

Mudança do Garcia

 

O Sintsef-BA participará mais uma vez, junto à CUT e outras entidades, da Mudança do Garcia, no carnaval de Salvador. A ideia é, como nos anos anteriores, aproveitar o palco privilegiado da folia para mostrar as lutas e reivindicações da sua base, além de unificar ações com entidades que defendem os interesses dos trabalhadores. Há 80 anos saindo pelas ruas da capital da Bahia, na segunda-feira de carnaval, a Mudança do Garcia faz protestos em forma de folia. As camisas serão distribuídas para os filiados a partir das 8 horas, na concentração do bloco, na Casa de Pedra, fim de linha do Garcia. É um carnaval diferente, sem cordas, mais participativo e democrático, onde o povo aproveita para levar suas demandas políticas de forma irreverente. Bandas de sopro e minitrios elétricos conduzem os foliões do bairro do Garcia até a passarela principal da Avenida, “invadindo” o circuito oficial com muita alegria e descontração. No período final da 2ª Guerra Mundial, músicos da Polícia Militar fundaram uma agremiação chamada Arranca-tocos. Em 1950, a entidade passou a se chamar Faxina do Garcia  e somente em 1959  ganhou o nome atual.